Olá leitores queridos!

Saiu mais uma resenha do meu baby (livro Negro Amor)! Espero que gostem o tanto quanto gostei!




Negro Amor – Camille Storch - 
Negro Amor
Edição: 1
Editora: Baraúna
ISBN: 9788579233524
Ano: 2011
Páginas: 225
Melhor preço: R$ 19,25
Nesta narrativa, Camille não poupa seus personagens de alegrias e sofrimentos. Pelo contrário, coloca-os em situações limite, cheios de ideais e objetivos. Conseguirão alcançá-los e ainda ajudar todos aqueles que contam com isso? É um enorme desafio para Tsuki e Niti , os protagonistas. Cabe também ao leitor participar desta jornada.

Introdução

Camille escreveu a história aos 14 anos, em seu romance a aventura é o ponto forte da construção da narrativa. Com personagens interessantes e que motivam a continuar, a longa jornada que vivem só tende a deixar os curiosos roendo unhas.

Narrativa

A narrativa de Camille é simples e muito bem argumentada, os personagens que vão ganhando corpo e os personagens secundários que aparecem durante a narrativa agradam muito. Nar é um personagem bem forte na trama. O famoso antagonista que leva o título e merece o mesmo, pois suas frivolidades são bem marcadas ao longo da história. Somos levados a lugares mágicos e outros de muita pobreza e isolamento é um livro que te leva o céu e ao inferno em dois tempos. Acho bacana quando o livro te leva junto e você acaba participando dos acontecimentos, vivenciando juntamente com os personagens as emoções e as ações dos mesmos. É um livro que trabalha no viés amor x ódio, vida x morte, sonho x pesadelo e guerra x paz. Quando eu realmente achei que Camille ia optar pelo final óbvio e sem graça, eis que surge uma ideia muito bacana por parte dela, de possuir um final que o leitor não prevê. Não existem pistas e o choque é uma surpresa boa quanto a leitura chega nesse patamar. Não é clichê e nem passa pelo previamente visto.

Momento Macchiato

“O Sol e a Lua eram os Deuses mais novos e inexperientes. E eles acabaram se apaixonando um pelo outro. Aproveitando isso, Nar, o deus da chama da discórdia, invadiu o mundo, fortaleceu-se e agora ameaça destruir tudo – pag 168″

Considerações Finais

O livro é curtinho (ando lendo muitos livros com mais de 400 páginas), embora tenha muito conteúdo e uma boa narrativa. A autora mesmo em pouca idade soube estruturar  e argumentar de uma forma convincente e encantadora. Tanto Tsuki, quanto Niti são encantadores e provocam emoções naqueles que emergem na narrativa.

Indicados para

pessoas que adorem o gênero e que estejam dispostas a entrar num novo mundo.


Gostaram? Eu amei ♥! Confiram no blog MACCHIATO.

Beijos!


Camille

Deixe seu Comentário